Radialista diz que seus eleitores “são fiéis” e que foi uma campanha limpa e sem compra de votos; agradece e deseja aos vitoriosos ótima gestão

20 de novembro de 2020

O suplente de vereador Super Bené falou sobre sua trajetória entre campanha eleitoral e a eleições municipais de 2020. Neide Lu conversou com o radialista que tentou uma cadeira na Câmara de Guanambi, mas, infelizmente, não conseguiu o seu intento. A entrevista ocorreu nesta sexta-feira (20). Super Bené já tem mais de 20 anos dedicados à liderança comunitária no bairro Beija Flor e a política.

Mesmo sem conseguir se eleger e sendo o primeiro suplente pelo PC do B, Bené diz se sentir vencedor, pois ele teve uma votação que não esperava. Bené também agradeceu a sua equipe pelo trabalho realizado.

O político disse que a campanha eleitoral de 2020 foi uma campanha diferenciada por conta da pandemia. Ele ressaltou que as medidas de distanciamento social dificultaram um pouco o chamado “corpo a corpo”, pois algumas pessoas ficaram receosas de receber algum candidato em casa, devido a Covid-19.

Outro ponto observado por Bené foi a migração da campanha para as redes sociais. Neste ponto, Bené colocou que houve atrasos decorrentes da burocracia para que a campanha fosse realizada. Vencido o obstáculo, Bené colocou que a nova forma de se fazer campanha provocou certo distanciamento do eleitor, por conta das recomendações da Justiça Eleitoral. Ele observou que seu tempo de campanha foi curto, contando apenas com 35 dias.

Para quem acompanha a trajetória de Super Bené, até o início deste ano, Bené estava filiado ao PT, quando saiu do partido e ingressou o PC do B. Sobre o seu ingresso no partido comunista, Bené diz que não influenciou em seus votos porque, segundo o radialista, seus eleitores “são fiéis” e que foi uma campanha limpa e sem compra de votos.

Por fim, Super Bené colocou que achou positivo o resultado das eleições e desejou uma ótima gestão aos novos eleitos e agradeceu ao atual prefeito Jairo Magalhães, com o qual teve um contato direto e pleiteou junto a Magalhães algumas demandas que foram atendidas.

Ouça a entrevista ou clique aqui para assistir a live da entrevista a partir dos 34 minutos

 

 

De acordo à Lei 9.610/1998, que trata sobre os direitos autorais, não é permitido à propagação desta entrevista ou fragmentos, em outros veículos de comunicação, bem como em redes sociais, sem a solicitação de autorização a este veículo de comunicação.

Por Willian Silva – Portal Fala Você Notícias 

CompartilheShare on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter

Entre em contato conosco 😊

Travessa Cincinato Fernandes 265
Centro, Guanambi - Bahia