Paratleta de Ipiaú-Ba é atropelado em maratona

19 de agosto de 2019

O paratleta Jacson Santos, tinha 38 anos, é natural de Ipiaú-Ba (a 49 km a Sul-Leste de Jequié), residia na Rua 03, ACM, Ipiaú. (Foto: rede social)

“De acordo o relato da ciclista que acompanhava os corredores, motorista invadiu a pista com o veículo e atropelou Jacson na mão dele”

O paratleta Jacson Silva Santos, 38 anos, da cidade de Ipiaú-BA, que estava no percurso da 23ª Maratona do Suruá, neste sábado (17), foi atropelado por volta das 15h. O autor do atropelamento foi identificado como Jailson Ramos Moreira, 46 anos. Tudo aconteceu nas imediações da fazenda Lagoa do Pau Ferro, 10 KM de Guanambi, na Ba 573, zona Rural de Guanambi. 

De acordo ocorrência no plantão do delegado Rudson Barcelos da Polícia Civil, Jailson Moreira dirigia um veículo GM Astra GLS, cor cinza, placa DBO 8077, em estado de embriaguez, que logo após o acidente fugiu do local, sendo perseguido e preso pela Polícia Militar, mas ele alegou que saiu do local, porque ficou com medo de ser agredido pela multidão.

Jailson Moreira, foi preso pela policia militar e conduzido ao plantão regional de Guanambi da 22ª COORPIN, sendo autuado em flagrante delito.

O maratonista Jacson Santos, foi atendido por uma enfermeira que estava lha trabalhando no evento, mas não resistiu. Ele é natural de Ipiaú-BA (a 49 km a Sul-Leste de Jequié), e reside na rua 03, ACM.

Segundo Joel Alves do Suruá, organizador da maratona vários foram os questionamentos sobre a segurança, “mas este ano houve reforço da polícia militar com duas viaturas e três motos, viaturas do departamento de trânsito, ambulâncias e a equipe dos organizadores na pista. Esse ano foi reduzido o percurso pensando na segurança”.  (Assista e entrevista de Joel Alves do Suruá, no programa Fala Você)

Joel do Suruá conta que “de acordo o relato da ciclista que acompanhava os corredores, o Jailson invadiu a pista com o veículo e atropelou Jacson na mão dele”.

A família transladou o corpo do paratleta ontem (18), para fazer o sepultamento na sua cidade hoje (19), “agora o que queremos é justiça”, disse um dos membros para Joel do Suruá. 

A morte de Jacson Santos trouxe comoção a região, havendo minuto de silencio em homenagem ao atleta no Desafios Guaribas MTB, que aconteceu no domingo (18), na praça Henrique Pereira Donato (Praça do Feijão), em homenagem aos 100 anos de Guanambi.

Os familiares de Jacson Santos pediram ao organizador do evento que para o próximo ano fizesse uma homenagem ao paratleta colocando seu nome na Maratona do Suruá.

O Delegado Coordenador da 22º COORPIN, Dr. Clécio Magalhães, informou que Jailson Moreira se encontra preso.

De acordo o Art. 302. do Código de Trânsito Brasileiro, praticar homicídio culposo na direção de veículo automotor, c/c § 3º Se o agente conduz veículo automotor sob a influência de álcool ou de qualquer outra substância psicoativa que determine dependência. Penas – reclusão, de cinco a oito anos, e suspensão ou proibição do direito de se obter a permissão ou a habilitação para dirigir veículo automotor.

Por Neide Lu / Portal Fala Voce

CompartilheShare on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter

Últimas notícias

Entre em contato conosco 😊

Travessa Cincinato Fernandes 265
Centro, Guanambi - Bahia